Canal 513 NET
Canal 2.1
Rádio FM 97.7
Mano App

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Em live, governador ressaltou aprovação, no Codam, do projeto de ampliação da LG no Amazonas

O governador Wilson Lima declarou, na noite desta quinta-feira (29/04), durante live pelas redes sociais, que a recuperação dos empregos é uma prioridade para o Governo do Amazonas. Na transmissão, ele anunciou, ainda, que no próximo dia 3 entra no ar o Portal do Trabalhador (www.portaldotrabalhador.am.gov.br), que irá reunir todas as informações e serviços oferecidos pelo Sine Amazonas.

Por conta da pandemia de Covid-19, as atividades econômicas não essenciais tiveram de ser suspensas. Agora, com a desaceleração dos casos de Covid-19 no estado, é possível autorizar o retorno de forma controlada de algumas atividades, explicou o governador ao falar sobre novas contratações.

“A nossa prioridade agora é recuperar empregos. Quando a gente faz algum tipo de flexibilização, para o funcionamento de alguns segmentos do comércio, é com objetivo principal de gerar emprego e renda, é de que aquela pessoa possa ter o salário para que possa garantir o sustento da sua família”, disse Wilson Lima.

Portal do Trabalhador – Ao lembrar a proximidade do dia 1º de maio, o governador Wilson Lima informou que no próximo dia 3 de maio entrará no ar o Portal do Trabalhador. Nesta sexta-feira (30/04), o novo serviço do Governo do Amazonas, por meio da Secretaria Executiva do Trabalho e Empreendedorismo (Setemp), órgão da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti), será apresentado à imprensa.

“Atenção, meu amigo trabalhador que usa o serviço do Sine Amazonas! Nós estamos lançando a partir do dia 3 de maio o Portal do Trabalhador. Nesse portal você terá informações sobre Seguro-desemprego, vagas que estão sendo ofertadas pelo Sine e outros benefícios, cursos de capacitação através dos órgãos públicos, enfim todas essas informações vocês vão encontrar em www.portaldotrabalhador.am.gov.br”, disse Wilson Lima.

O governador destacou que, neste ano, por meio do Sine, o estado já recebeu mais de 56 mil currículos e 48% dos candidatos foram encaminhados para entrevistas de emprego, por se encaixarem na vaga pretendida.

Wilson Lima também destacou o saldo positivo do Amazonas em relação à geração de empregos com carteira assinada, aferido por meio do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

“Os números do Caged indicam que nós geramos mais de 1,8 mil empregos no estado, quando confrontamos os números de demissões com números de admissões. A quantidade de pessoas que foi contratada é maior do que a quantidade de demitidas. Então nós temos um saldo de mais de 1,8 mil trabalhadores no Estado do Amazonas”, explicou o governador.

Reunião do Codam – O governador destacou, ainda, a aprovação, nesta quinta-feira (29/04), pelo Conselho de Desenvolvimento do Estado do Amazonas (Codam), do projeto de ampliação das atividades da LG no Amazonas. O conselho é um órgão colegiado vinculado ao gabinete do governador.

“A empresa tinha duas plantas (de produção). Uma em São Paulo e outra em Manaus, e decidiu trazer tudo pra cá. Mas para que ela possa se instalar aqui e receber os benefícios do Amazonas é preciso que o projeto seja aprovado no CAS, o Conselho de Administração da Suframa, e também no Codam, que é o nosso conselho”, explicou Wilson Lima.

Falta a aprovação pelo CAS. Na quarta-feira (28/04), o projeto foi retirado da pauta da reunião do CAS pelo secretário de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia, Carlos da Costa.

edited 
“Isso causou, naturalmente, uma estranheza e uma preocupação em todas as empresas do Polo Industrial. Causou preocupação na LG. E hoje, pela manhã, eu falei com o Carlos da Costa para entender o que estava acontecendo. E ele disse que vai ter tratativas com a empresa no sentido de aumentar a quantidade de empregos que serão gerados pela LG; e que o projeto constará na pauta da próxima reunião do CAS. É importante dizer que esse projeto já tem a aprovação de todos os técnicos”, destacou.

FOTO: Divulgação/Secom

Comentários

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin