canal 2.1

CANAL 513

FM 97,7

CANAL 20.1 (PARINTINS)

FM 95.9 (Parintins)

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Espaços vão receber melhorias estruturais inéditas desde a fundação.

Com estruturas novas e modernas, as feiras reformadas de Manaus deverão atrair um número maior de frequentadores e ampliar as vendas. Esta é a estimativa de feirantes das duas tradicionais feiras itinerantes da capital, as primeiras a receberem os trabalhos do Governo do Amazonas e da Prefeitura. A parceira vai destinar R$ 24,8 milhões para reformar 32 espaços deste tipo na cidade.

No fim de maio, o governador Wilson Lima e o prefeito David Almeida deram a ordem de serviço para a reforma das Feiras Itinerantes Prefeito I e Prefeito II. A expectativa é colocar Manaus no mesmo patamar de outras capitais, onde as feiras são referências pela boa estrutura.

“Vai ficar melhor, o cliente vem mais na feira. Como a nossa cidade está crescendo, está expandindo, a gente tem que ter melhorias para a pessoa chegar na nossa feira e ver que está bonita, como no Sul e nos outros estados que têm feiras itinerantes também. A nossa agora vai ficar igual às outras, bonita e maravilhosa, para todos os clientes chegarem e serem bem atendidos”, disse Nelson de Souza Maciel, 58, presidente da Feira Prefeito II.

A presidente da Feira Prefeito I, Marly Santos, 49, afirma que tanto os feirantes quanto os clientes serão beneficiados pelas melhorias estruturais nos espaços. “Com a feira padronizada, as pessoas vão querer vir, vai ter mais higiene. Vai ser um local em que vão olhar e dizer ‘que coisa bonita’. Se Deus quiser vai ficar assim”, disse.

*Melhorias*
Para a reforma das duas feiras serão destinados mais de R$ 3 milhões. Os serviços incluem padronização das bancadas em aço inoxidável, cobertura em tela desmontável, instalações elétricas e pintura.

A Feira Municipal Itinerante Prefeito I surgiu em 1958, conta com 170 bancas, gera cerca de 500 empregos diretos e 15 mil indiretos. Após 64 anos de atividades, essa é a primeira vez que a feira recebe melhorias por parte do poder público.

De terça a sábado, o funcionamento ocorre em um local diferente: terça-feira é na rua Coronel Salgado, no bairro Aparecida; quarta-feira, na rua Barcelos, esquina com Ferreira Pena, no Centro; na quinta-feira, ocorre na rua Apurinã, entre as ruas Tarumã e Japurá; na sexta-feira, ela se instala na rua Joaquim Gonzaga Pinheiro (popularmente conhecida como Getúlio Vargas), entre a avenida Boulevard Álvaro Maia e a rua Belém, por trás do Cemitério São João Batista; e no sábado, na rua J. Carlos Antony, no bairro Cachoeirinha.

Já a Feira Municipal Itinerante Prefeito II surgiu em 1970, conta com 36 bancas, gera cerca de 110 empregos diretos e 3 mil indiretos. A feira funciona duas vezes por semana: na quarta-feira, no conjunto Eldorado; e quinta-feira, no Centro Comercial Campos Elíseos.

Essa é a primeira revitalização que a estrutura recebe do poder público em 52 anos de atividade.

“As feiras não são apenas um local de compra e venda, mas onde as famílias se reúnem no fim de tarde, aos domingos, nos fins de semana. Isso é o resultado do compromisso que se tem com a cidade de Manaus, do comprometimento de homens públicos que se uniram”, disse o governador Wilson Lima, por ocasião da assinatura da ordem de serviço na rua Coronel Salgado, bairro Aparecida, zona sul de Manaus, durante a realização da Feira Itinerante Prefeito I.

Os convênios para a reforma das feiras de Manaus foram firmados via Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE). Já foram repassados os R$ 24,3 milhões da parte que cabe ao Estado. O restante será contrapartida municipal.

FOTOS: Bruno Zanardo/Secom

Comentários

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin